Literature-se!

Todos nós, em algum momento, precisamos de válvulas de escape. A vida ordinária pode ser apenas corriqueiramente entediante ou até ter dificuldades bastante desafiadoras. Cada um carrega sua cruz ou sua dose pessoal de sofrimento e batalhas. Estamos todos de passagem e carregamos nós mesmos nossas próprias bagagens.

Sendo assim, peço licença a Tzvetan Todorov, para fazer minhas suas palavras: “Hoje, se me pergunto porque amo a literatura, a resposta que me vem à cabeça é: porque ela me ajuda a viver”.

Houve épocas em minha vida em que a dor de um personagem me resgatou da amargura de um coração ressequido, da ilusão de carregar sobre os ombros a maior dor do mundo, do estúpido pensamento de achar que não merecia o que estava acontecendo em minha vida, dentre tantas outras situações em que uma luz era colocada sobre mim através das páginas de um livro.

Certa vez, estive em Cabul e sofri tanto quando um menino pobre, com lábios leporinos, enfrentou os terrores do Talibã e foi renegado por aquele que era seu melhor amigo, a quem ele tinha como um irmão. Também presenciei o apedrejamento de mulheres e a dura realidade de ser invisível em um mundo de homens regidos pela maldade.

Estive na 1ª e 2ª Guerras Mundiais, na Revolução Russa, presa dentro dos Muros de Berlim, no massacre de Ruanda, na perseguição cristã no Iraque, na Colômbia fantástica de Gabriel García Márquez e na Colômbia do narcotráfico, na guerra dos mísseis em Cuba, nos campos de concentração de japoneses nos Estados Unidos e na seca de 1932 no nordeste brasileiro, entre coronéis e cangaceiros.

Nessas e em tantas outras realidades, eu me deparei com a dor do próximo, senti com eles, sonhei com eles e realizei as coisas mais lindas e impensáveis em minha vida ordinária.

Liberte-se de suas angústias, olhe a vida com ternura, chame à razão seu coração de pedra e o torne sensível à dor do próximo, reinvente-se… sonhe e realize o impensável: literature-se!

 

juliana moreira

Juliana Moreira é brasiliense de certidão e coração, casada, mãe de um menino, com formação e atuação profissional em direito, mas amante da literatura. Extrovertida e sorridente. Adora conhecer pessoas, viajar, comer bem e desfrutar a vida na companhia de sua família e de seus amigos. Apaixonada por livros. Tem a escrita como terapeuta preferida. Católica que tenta sempre se aproximar mais de Jesus Cristo e aprender dele o bom caminho. Idealizadora do @eumaeleitora

Muitas Marias apresenta artigos originais sobre o cotidiano feminino. Saiba como enviar seu texto clicando aqui ou escreva para  [email protected]

4 comentários sobre “Literature-se!

  1. Querida Ju, me encanto toda fez que leio os seus textos! Desta vez, vc me fez viajar em tantas histórias que eu vivi através de livros e viagens que fazem parte de mim de alguma forma.
    Adoro a forma como vc escreve!
    Beijos, 😘😘 Jane.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s