A de África do Sul

 

Vocês já ouviram que “viajamos para mudar, não de lugar, e sim de ideias”? Eu concordo. Interagir com o outro nos faz melhor ou, pelo menos, mais tolerantes. Quando viajo, procuro me despir de todos os preconceitos e encarar “o novo” de coração aberto. Confesso que nem sempre é fácil, já que no mundo há tantas culturas diferentes dividindo o mesmo espaço, mas é um exercício libertador, pode apostar!

Ah, tem como não se empolgar em fazer as malas e se lançar rumo ao desconhecido? Engana-se quem pensa que uma grande viagem precisa ser para uma cidade “da moda” ou se hospedar no mais novo e badalado hotel 5*. Uma viagem pode ser inesquecível, ainda que estejamos a 100 km de casa, ou pode ser fantástica dentro de uma barraca de camping. Não importa a distância ou a duração e, sim, o olhar do viajante!

Nem sempre precisamos ter alguém especial ao lado para que a viagem seja perfeita. Claro que, se tivermos uma boa companhia, ótimo! Mas quando estamos sozinhos, apuramos nossa percepção e acredito que somos mais sociáveis. Permitimo-nos conhecer mais e melhor outras pessoas e, principalmente, a nós mesmos. Quem concorda? Por isso, caras leitoras, convido vocês a viajarem junto comigo nesse e nos próximos textos! Como adquiri experiências muito ricas (e muitos micos impagáveis) durante os quatro anos que estive a bordo de um navio-cruzeiro e nos cinco anos trabalhando em agência de viagens, gostaria de compartilhar essas histórias e dicas com vocês.

Então, aproveitando que estamos no fim do ano, época que muitos viajam, lanço aqui um desafio: falar sobre um destino cada vez que escrever nesta seção, seja um lugar no Brasil ou no mundo. Vou adorar se você tiver sugestões e me enviar seus comentários. Para começar, vou falar sobre a África do Sul, país lindo e cheio de contrastes. Em épocas de dólar nas alturas, encontrar um destino com moeda desvalorizada pode ser uma opção para quem faz questão de viajar para o exterior.

Muitos me perguntam qual a melhor época para se visitar a África do Sul. E a resposta é sempre a mesma: o ano inteiro! Visitei a África do Sul em setembro de 2012. O voo de ida de Guarulhos a Johannesburg foi bem tranquilo, apenas 08h30 de voo (o que é “logo ali” se compararmos a um voo para Austrália, Japão, Singapura…). Acabei ficando um dia inteiro em “Johannes” e não me arrependi. Visitei o Museu do Apartheid, a região do Soweto e me emocionei em conhecer de pertinho a história do incrível Nelson Mandela. Mas já adianto que, para quem tem pouco tempo de viagem, eu indicaria ir direto para o Kruger Park, maior Parque Nacional da África do Sul.

Há dois aeroportos que dão acesso a esse Parque. Nelspruit, ao norte, ou Hoedspruit, ao sul. Escolhi uma reserva chamada Thornybush, apenas 1 hora de voo de Hoedspruit. Gente, a emoção começa logo que desembarcamos. Durante o caminho entre o aeroporto e o lodge foi possível avistar girafas, zebras, cervos e, acreditem, um leão!
A grande maioria dos lodges já inclui dois safáris por dia: um bem cedo, por volta das 5h00 (não, você não leu errado), e o outro por volta das 16h00. Esses horários são considerados os melhores para se ver animais, já que, por estar mais fresco, é o horário que saem para caçar.

O telefone tocava por volta das 04h30. Em seguida, nos davam um café com bolachinhas e já íamos para um carro (aberto, estilo 4 x 4). O que me impressionou muito foi a habilidade que o ranger (guia do safári) tinha para rastrear os animais. Já no segundo safári eu havia visto os cinco grandes animais (leão, rinoceronte, elefante, búfalo e leopardo).

A experiência foi incrível! Em um dos safáris eles nos surpreenderam com um piquenique no meio da selva, com direito a vinho, pipoca e sanduíches. E, pra completar o cenário, foi bem na hora que o sol estava se pondo, o momento foi mágico, indescritível! Acabei ficando 3 noites e fazendo 6 safáris de, aproximadamente, 2h30 cada um. Mas duas noites já são suficientes.

De lá, a próxima parada foi Cape Town. Que cidade Linda, assim mesmo, com L maiúsculo. A propósito, me lembrou bastante o Rio de Janeiro. Aqui temos o nosso belo Pão de Açúcar, lá eles têm a Table Mountain, e a vista lá de cima é de tirar o fôlego.

Cape Town me surpreendeu pela beleza da cidade, das praias, da região de Waterfront, da bela Camps Bay e suas casas à beira mar. Nem precisa ser um ótimo fotógrafo para sair de lá com imagens incríveis. Acabei ficando três noites, pois ainda teria outras quatro noites em Mauritius. E quer mesmo saber? Fiquei com gostinho de quero mais! Não consegui conhecer a bela região de Franschhoek e Stellenbosch, cujas românticas vinícolas nos permitem degustar os tão premiados vinhos sul-africanos. E, tampouco. tive tempo para nadar com os tubarões brancos em Gansbaai, uma aldeia próxima à Hermanus.

Para quem está com a viagem marcada, e dispõe de mais alguns dias, eu indicaria muito a região da Rota Jardim. Essa rota é belíssima, com paisagens maravilhosas! É preciso voar para Port Elizabeth e de lá “ir descendo” até Cape Town. Mas, cuidado, pois a mão é inglesa (os motoristas dirigem pela esquerda).

Tenho um carinho muito especial pela África do Sul. Não só por sua natureza quase intocada ou suas paisagens cinematográficas; mas, principalmente, pela cordialidade dos sul-africanos. Não tem como não se encantar com o sorriso com que te saúdam pela manhã, ou com a alegria com que desempenham as atividades do dia a dia. Saí de lá com a certeza que voltaria tão logo fosse possível.

Como esse é o meu primeiro texto na seção “Apronta a mala”, gostaria de lhe fazer um convite: que tal você me dar uma sugestão para o próximo destino? Pensei em falar sobre algum destino que comece com a letra B, assim seguiríamos uma sequência lógica. Acham que funcionaria dessa forma? Estou à disposição para novas ideias. De qualquer forma, independente do destino, espero vocês para seguirmos juntas!

Um abraço, Tassiana.

Vista da Table Mountain
Vista da Table Mountain
Safari
Safári
Leãozinho
Leãozinho do safári. Não é fofo?

 

Tassi Biografia

Tassiana Rossignoli
Mineira, casada, jornalista. Apaixonada pela família, pelos amigos, por viagens, livros, fotografia, músicas, filmes e pipoca. Adoraria fazer um curso de gastronomia. Sonha em ser mãe e ter uma casa na praia. Frase favorita: “Muitos pensam que sou rico. Outros pensam o contrário. O que ninguém sabe é que minha riqueza é medida em histórias, em experiências e pessoas. Sim, Então sou rico.”- Fergal Smith

7 comentários sobre “A de África do Sul

  1. Tassi,
    Que delicia viajar para a África do Sul através dos seus olhos….a vontade de conhecer esse país só aumentou depois se ler seu relato…
    Vou ficar no aguardo de outros textos relatando suas aventuras mundo a fora…..
    E eu continuo com a vida de navio e sentindo muita falta de amigos como voce….mas feliz em saber das suas escolhas!
    Saudades,
    Beijoooo

    Curtir

  2. Adorei seu texto, pois tenho o sonho de ir à África do Sul. Que maravilha!!!

    Eu amo viajar. Já percebi que vou ficar leitora assídua de seus textos nessa seção.
    Abro mão de muitas coisas em favor de uma viagem ao exterior. já adiei reforma do apartamento, vários anos, troca de carro, quando não dava para fazer as duas coisas, pois a viagem sempre ficava em primeiro plano, como prioridade.
    Eu e meu marido temos um compromisso todo mês de reservar dinheiro para viajar. Compromisso mesmo, fica junto com a lista das despesas. Acredito que a viagem molda a gente. É uma riqueza sem fim.

    Como sugestão para o próximo texto, com a letra B, sugiro: Budapeste, Berlim ou Belém, na Palestina.

    Abraço.

    Curtir

    1. OLá Renata, seja muito bem vinda!
      Ahh, me identifiquei muito com seu comentário!
      Também já adiei vários planos pra viajar, e quer saber? Nunca me arrependi 🙂
      Obrigada pelas sugestões de roteiros!
      Abraço grande,
      Tassi

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s