Onde estão as roupas femininas?

Você já parou para pensar na imagem que está passando através das suas roupas? Não é só um jargão inútil aquela frase que diz: “a primeira impressão é a que fica” porque realmente algumas pessoas não terão oportunidade de te conhecer mais profundamente, algumas passarão brevemente pela sua vida e, às vezes, aquela primeira imagem é a que vai ficar marcada para sempre.

É verdade, uma simples peça de roupa pode fazer muita diferença na sua imagem pessoal. Às vezes, nem paramos muito para refletir sobre isso e vestimos as roupas com a correria do tempo que parece cada vez passar mais rápido e exigir mais de nós.

Quando você é atendida por uma consultora financeira, você não conhece todo o currículo dela, nem vai tentar naqueles breves minutos que ela conte a trajetória da sua carreira. Primeiramente, você é impactada pelo terninho bem cortado, o cabelo bem arrumado e uma linda armação de óculos, por exemplo, e logo se sente mais segura, pois ela transmite profissionalismo. Agora imagine o contrário. Ser atendida por outra consultora financeira que não se preocupou com o cabelo, a saia é meio curta e o blaser não parece combinar muito bem e ela ainda está com uma sandalha rasteira. A competência dela não está nas roupas que usa, mas as roupas  podem ajudar a transmitir esta competência.

Nós usamos as roupas como expressão da nossa personalidade e elas dizem muito sobre nós. Escolher bem a sua roupa ao se vestir é respeitar você mesma e os outros, que estarão com você no trabalho, na rua e na sua própria casa. Como faz diferença uma esposa arrumada quando o marido chega em casa…que diferença faz uma mãe que vai levar o filho no colégio bem vestida e chama a atenção pela discrição. Evita que o filho tenha vergonha e não precise escutar os amigos cochichando sobre as pernas da sua mãe.

Mas,  tenho que confessar que hoje em dia escolher e comprar roupa não é tarefa fácil. Parece que as marcas de moda feminina se voltaram contra as mulheres. Você perde tempo, entra e sai de loja em loja, até conseguir comprar uma pecinha e nem era bem o que queria ou procurava. Elas fizeram as calças para entrar em quem? Parece que estamos embaladas a vácuo. Os vestidos e saias estão curtos demais. Foram feitos só para as baixinhas? E vem cá, quando um G cabe em mim, que sou magra, as gordinhas têm que ir comprar aonde? Tamanho especial? Não brinca, G é G de Grande, deveria caber em uma mulher com um corpo mais volumoso.

Onde estão as roupas femininas? Aquele toque romântico? Cadê as peças que conhecem o corpo da mulher e sabem realmente valorizá-lo?

Foi cansada disso tudo e com o intuito de ajudar as mulheres, que criei com mais algumas FB_IMG_1466776145004 (1)amigas o Bossa Feminina. É um bazar beneficente que vende roupas realmente bonitas depois de passar por uma super triagem. Atualmente, o Bossa Feminina é uma organização que promove seminários de moda, palestras sobre imagem pessoal e diversas atividades com um olhar diferenciado e o objetivo de valorizar a imagem da mulher através da moda.

Estamos vivendo no cenário mundial uma crise de valores e as pessoas perderam o ponto de referência. Quem não já ouviu esta famosa frase: O que é bonito é para se mostrar? E o que seria mais bonito do que o que possuímos no nosso interior? Nossos valores, nossos ideais, nossa fé.

Não queremos impor uma moda de roupas antiquadas, nem sisudas e pouco divertidas. Pelo contrário, propomos valorizar a moda alegre, feminina, que abusa da feminilidade, que respeita o corpo da mulher e o valoriza. Respeitando sempre o estilo pessoal de cada uma. A mulher deve mostrar o que ela é por dentro.

Vamos mostrar que não somos poucas. Nós queremos de volta a elegância, a feminilidade, a roupa adequada para o corpo. Vamos revolucionar a moda!

facebook_1470681091323Cynthia Vale Araujo

Esposa, recém casada, aprendiz de cozinheira (faz o marido provar cada coisa), gerente de marketing. Gosta de pensar em iniciativas que podem mudar o mundo e valoriza as amizades. Contadora de história, conhecida como Forrest Gump. Tem como mantra da vida, a frase: Vale a pena!

Muitas Marias apresenta artigos originais sobre o cotidiano feminino. Saiba como enviar seu texto clicando aqui ou escreva para  contato@muitasmarias.com . 

8 comentários sobre “Onde estão as roupas femininas?

  1. Amei o texto Cynthia, e acredito demais que a gente pode contagiar nossa casa, nosso trabalho, e os lugares por onde passamos, as pessoas com que convivemos e mesmo aquelas que só esbarram conosco, com essa beleza que brota de dentro, mas que se revela por fora na naturalidade, discrição, alegria e elegância que cada mulher traz em si! Obrigada pelo texto e parabéns pela iniciativa (da qual sou suspeita de falar!).
    Beijão,
    Bia Melo.

    Curtir

  2. Arrasou, Cynthia!! Realmente… o que seria mais bonito do que o que possuímos no nosso interior? Nossos valores, nossos ideais, nossa fé. Isso sim é o que é pra se mostrar!!

    Curtir

  3. Caramba! Está difícil mesmo, principalmente nas lojas de departamento. Aguardando ansiosamente a moda cropped passar para voltar a ter blusas que não mostrem a barriga nas araras!

    Curtir

  4. Que bela iniciativa! Realmente uma atitude muito inspiradora. A moda está ferindo nossa feminilidade, é muito triste ver roupas que ou são masculinas demais ou possuam uma sensualidade que beira a vulgaridade. É uma verdadeira maratona ir de loja em loja procurando peças para combinar e conseguir montar looks que prezam pela elegância, discrição e modéstia – e ainda, muitas vezes quando encontramos roupas nesse padrões, os valores são muito elevados, então toda alternativa é válida!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s