Existe vida à distância?

Que tempos difíceis são esses de distanciamento social! Não está fácil para ninguém. De minuto a minuto tem um montão de gente surtando e se recompondo… eu sou uma delas!

 Minha quarentena tem sido de muito serviço, pouco descanso e muitas emoções. Quando eu vejo dicas do que assistir neste período eu penso: gente, essa galera tem filho pequeno? Não deve ter…

Aqui, o que eu mais temia aconteceu, meu filho fica na televisão o tempo todo. Eu sinto frustração, tristeza, depois lembro de ter um pouco de compaixão de mim também e mentalizo que é só uma fase, que quando tudo isso acabar, vamos corrigir todos os danos…

Daí eu lembro que eu dou dicas do que ler neste período e que eu tenho um filho pequeno. Eu estou conseguindo ler? Dias sim, dias não. Dias mais, dias menos. Sigo tentando!

As minhas circunstâncias são estas: moro num apartamento pequeno e não posso ir com meu filho à casa de minha mãe porque ela está no grupo de risco e meu esposo é de uma profissão que não pode parar, portanto, estamos expostos.

Assim, passo o dia fazendo todas as tarefas domésticas, acalmando de hora em hora (estou sendo generosa) o pequeno que chora, rola no chão e quer colo; engulo as lágrimas toda vez que ele pega a mochilinha e diz que quer ir pra casa da vovó; faço teletrabalho, paro um instante pra limpar a sujeira do chão, continuo a trabalhar, paro outro momento para fazer um lanche para o filho e assim seguimos dia após dia.

Não está fácil para mim e eu sei que não está fácil para você também! Cada um na sua circunstância tem que lidar com a saudade, com o medo, com a incerteza, com a ansiedade e com tantas emoções que se misturam a todo instante!

 Nós podemos nos unir em oração e fortalecer o nosso espírito. Quando tudo isso passar, podemos ser pessoas mais fortes, mais resilientes, mais solidárias e mais fervorosas! Porque tudo passa, só Deus permanece para sempre! E, um dia, todos nós iremos ao seu encontro!

 Aguentemos firmes, daqui um tempo a gente conversa e agradece por tudo o que passou! 

 

juliana moreira Juliana Moreira é brasiliense de certidão e coração, casada, mãe de um menino, com formação e atuação profissional em direito, mas amante da literatura. Extrovertida e sorridente. Adora conhecer pessoas, viajar, comer bem e desfrutar a vida na companhia de sua família e de seus amigos. Apaixonada por livros. Tem a escrita como terapeuta preferida. Católica que tenta sempre se aproximar mais de Jesus Cristo e aprender dele o bom caminho. Idealizadora do @eumaeleitora

Muitas Marias apresenta artigos originais sobre o cotidiano feminino. Saiba como enviar seu texto clicando aqui ou escreva para muitasmariasblog@gmail.com . 

 

 

7 comentários sobre “Existe vida à distância?

  1. Texto limpo , verdadeiro e sem polarização de opiniões. É isso mesmo passamos por um tempo difícil e solitário, mas com certeza sairemos mais humanos dele!! Admirada contigo amiga, mesmo nesse vendaval de emoções ainda consegue ser centrada para escrever. Força!!

    Curtir

  2. Muito bom, Ju! Se tratar com carinho é preciso em tempos em que a gente tem que dar conta de tudo e ainda com unha e cabelo feito! Você é uma mãe excelente! Um super exemplo! Isso tudo vai passar e lá na frente vamos nos orgulhar bastante de cada dia sobrevivido!

    Curtir

  3. É bem isso, resta ter paciência, pq tudo passa! É época de refletir e fazer mudanças no mosso interior. De toda crise tiramos lições e ñ cai uma folha sem permissão divina! Vamos orar e aguardar os bons tempos chegarem!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s